domingo, 28 de junho de 2020

ELEFANTES DO IMAGINÁRIO

O elefante cor-de-rosa é um conto de Luísa Dacosta que foi lido nas aulas do 2ºano, no âmbito da educação Literária.
O elefante cor-de-rosa entrou na imaginação de um menino que o partilhou com os amigos. Eis os resultados dessa partilha, pelos alunos do 2ºB da EB1 de Carquejido.

sexta-feira, 26 de junho de 2020

UMA AVENTURA LITERÁRIA - CONCURSO PROMOVIDO PELA CAMINHO


Mais uma menção honrosa, desta vez atribuída à aluna Beatriz Lopes, 10.ºA, pela sua participação no concurso Uma aventura Literária, com o texto "A minha vida entre o pecado", um texto cheio de criatividade em que as personagens são os pecados capitais. 
A aluna irá receber um livro, oferta da Caminho, e o diploma com a menção honrosa. Muitos parabéns!

terça-feira, 23 de junho de 2020

UMA AVENTURA LITERÁRIA - CONCURSO PROMOVIDO PELA CAMINHO

O aluno Rafael, do 7ºC, recebeu uma menção honrosa atribuída ao seu texto "Lutar para vencer" com o qual participou no concurso "Uma aventura literária". Muitos parabéns ao aluno que vai receber um livro como prémio!

sexta-feira, 19 de junho de 2020

SOU FELIZ...

A turma 6ºE realizou uma oficina de escrita e a frase preferida do texto de cada um foi partilhada no Padlet que pode ser lido aqui.
É fantástico como é preciso tão pouco para se alcançar a felicidade. E estes meses de confinamento, de ensino à distância, de amigos separados, de falta de beijos e abraços têm sido uma oportunidade para que as crianças e jovens sintam isso de uma forma mais presente.


quinta-feira, 18 de junho de 2020

CONCURSO DE LEITURA "LER EM FAMÍLIA"

O concurso "Ler em família" é um concurso de leitura entre alunos e seus familiares, promovido pela biblioteca escolar, constituindo-se equipas formadas por pares (um aluno e um familiar) que leram o livro selecionado e responderam a um questionário através da ferramenta Kahoot.
Este ano, o livro selecionado foi O tesouro, de Manuel António Pina e, na impossibilidade de se fazer o concurso presencialmente, pela primeira vez foi usada a plataforma Teams, em duas sessões: dia 17, com alunos de 4º ano e hoje, dia 18, com alunos de 5º e 6ºanos.
Os vencedores do 4ºano são:
  • 1º lugar: João Miguel Costa de Sá
  • 2º lugar: Isabela Mateus Silva
  • 3º lugar: Ema da Silva Pinho
Os vencedores do 2ºciclo são:
  • 1º lugar: Marta Silva
  • 2º lugar: Sofia Leal
  • 3º lugar: Maria Carolina Carregosa

Muitos parabéns a todos os alunos aos quais será entregue um certificado de participação. A todos, alunos, familiares e professores envolvidos, a equipa da BE agradece o empenho e deseja que tenham tido momentos fantásticos durante a leitura partilhada.

domingo, 14 de junho de 2020

RESPOSTAS AO DESAFIO DO DIA DA CRIANÇA

Para comemorar o Dia dia da Criança, foi lançado o seguinte desafio: O que gostarias de inventar quando fores grande? (ver aqui o poema que inspirou o desafio).
Eis algumas respostas:




Quando eu crescer gostaria de inventar um lápis mágico, pois assim, quando pegasse num caderno, escreveria um nome de um livro qualquer, e dentro de segundos viajaria para dentro de uma história, e vivê-la-ia, com ou sem peripécias, sentindo-me como uma personagem da própria história.

Poderia lutar com dragões e conhecer o seu mundo ou ir a um chá real das princesas e tratar de assuntos reais, poderia comunicar com animais mágicos (fadas, elfos, duendes,..) ou poderia investigar mistérios com o Sherlock Holmes.

Poderia voar livremente com os pássaros ou poderia encontrar ossos de dinossauros já extintos e tornar-me uma arqueóloga famosa, poderia viajar para o futuro e entrar numa nave espacial moderníssima, criar novas tecnologias ou estar em contacto com os romanos no ano de 152 a.C.

E era este o objeto que eu queria inventar quando crescesse.

Rita Almeida, 6ºE

Quando eu for grande, quero inventar a mudança de ADN entre pessoas e animais. Quero dizer, que as pessoas podem ter os poderes dos animais que quiserem.
David Silva - 1.ºB Casaldelo


Eu vou inventar uma torre de papel.
Márcio

quarta-feira, 10 de junho de 2020

DIA DE CAMÕES E DAS COMUNIDADES PORTUGUESAS - DESAFIO


Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, 
muda-se o ser, muda-se a confiança;
todo o Mundo é composto de mudança, 
tomando sempre novas qualidades. 

Continuamente vemos novidades, 
diferentes em tudo da esperança; 
do mal ficam as mágoas na lembrança, 
e do bem (se algum houve), as saudades. 

O tempo cobre o chão de verde manto, 
que já coberto foi de neve fria, 
e, enfim, converte em choro o doce canto.

E, afora este mudar-se cada dia,
outra mudança faz de mor espanto,
que não se muda já como soía.
Luís de Camões

DESAFIO
Tanta coisa mudou desde que Luís de Camões engrandeceu Portugal na sua epopeia Os Lusíadas
Se, hoje, tivesses a oportunidade de falar com este grande poeta, o que gostarias de lhe dizer sobre Portugal do século XXI?
Deixa a tua resposta nos comentários ou envia-a por email (biblioteca@aejsc.pt).